A América Latina está em risco

chile2O Chile, o país com a melhor renda per capita da América Latina, de uma hora para outra, transformou-se em um caos, com saques, destruição e mortes. O estopim foi o governo ter anunciado um aumento das tarifas do metrô. Mas será somente por isto mesmo? Com certeza não. Há mais motivos por trás de toda esta convulsão social.

O primeiro é claro: pela ação dos comunistas que tem sempre no seu plano desestabilizar a sociedade. Os comunistas sabem que quando uma sociedade está em paz eles não conseguem avançar com seu projeto de poder. É preciso criar o caos para que possam tomar o poder. Foi assim a tomada do poder pela revolução comunista russa em 1917 e será sempre assim. AS recentes revoltas no Chile, no Equador e a perdurável situação e miséria na Venezuela são facilmente explicadas pela ação dos comunistas. Sua estratégia é dominar certos grupos, no caso do Chile os estudantes, para usá-los como massa de manobra.

Uma outra peça fundamental para entender as revoltas é o crescimento de uma geração sem temor a Deus e, em conseqüência, sem respeito pela autoridade, propriedade privada, etc. Para esta geração, tudo se resolve no quebra-quebra. Até mesmo o que seria para ser uma comemoração pública, como vimos acontecer na França após a conquista da última Copa do mundo de futebol por aquele país, é “comemorado” por meio do vandalismo. Nossos jovens não recebem como conteúdo de educação virtudes e deveres. Ao contrário, eles são treinados para exigir direitos e viver em estado de resistência e revolução.

Este estado de revolta também não é fruto do acaso. Também ele é criação ideológica comunista/socialista. A Escola de Frankfurt e a revolução de 68 na França tinham o objetivo de guiar os jovens para a revolta. Nossas Universidades hoje são tomadas por socialistas, principalmente na área de humanas. A lavagem cerebral, por meio dos escritos de Marx, Nietzsche , Foucault e outros é constante. Todos estes autores miram a mudanças da mente dos jovens, para torná-los revoltados contra toda ordem social.

Não podemos olvidar que há muitos clamores sociais que não são respondidos, o que causa indignação pública, tais como o grito contra a corrupção, a desigualdade social e os privilégios de algumas classes públicas. Tais situações alimentam revoltas. Mas não são estes fatores os principais para o que temos visto. E sim a ideologia comunista atuando. O Foro de São Paulo, Organização Comunista que abrange toda América Latina, trabalha pra isso e não tem como ser desvinculado dos acontecimentos de nossos países.

A situação dos nossos vizinhos é um sinal amarelo muito forte para nós brasileiros. Os comunistas/ socialistas daqui também estão ávidos para levar nosso país ao caos, no intuito de recobrarem o poder e dar continuidade do projeto de poder de transformar o Brasil em um país socialista; projeto que não conseguiram levar a cabo nas últimas duas décadas, ainda que muito tenha sido feito. Nós brasileiros precisamos estar atentos e em oração por nossa Nação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>