Católicos e demais cristãos, por que não votar na Dilma, do PT

Nesta campanha, provavelmente mais do que em qualquer outra, os cristãos têm se manifestado quanto ao seu voto. Muitos, como eu, estão pedindo um voto contrário ao PT e seus candidatos. Vou explicar o porquê, diante do segundo turno que se aproxima.

O Papa emérito, Bento XVI, em um memorável discurso disse que há três princípios inegociáveis para nós católicos[1]: o valor da vida (da concepção até à morte natural), a família (entendida em seu princípio como união entre um homem e uma mulher) e o direito dos pais de educarem seus filhos (e não o Estado).

Diante deste ensinamento do Papa, analisemos o que segue: O PT é um partido que possui compromisso OFICIAL com a descriminalização do aborto. Veja os FATOS:

– em 11 de Abril de 2005, no Comitê de Direitos Humanos da ONU, Lula assumiu o compromisso de “revisar a legislação repressiva do aborto”[2]. Este compromisso foi reiterado diversas vezes pelo PT.

– o 3º Congresso do PT aprovou a resolução que inclui a “defesa da autodeterminação das mulheres, da descriminalização do aborto e regulamentação do atendimento a todos os casos no serviço público”. Todo candidato filiado ao PT – inclusive Dilma – é obrigado a acatar essa resolução.[3]

– o trabalho petista para liberação do aborto culminou com a assinatura, no último mês de agosto, pela presidente Dilma, da Lei 12.845 que facilita e abre brechas para o aborto no SUS. Além de promover a liberalização do aborto, o PT trabalhou (e trabalha ainda) para a implantação da ideologia de gênero[4], no Plano Nacional de Educação. O Relator, petista, fez de tudo, mas teve seu texto alterado e a teoria de gênero não entrou, felizmente.

Para não me estender demais neste texto, vou omitir de falar do golpe de Estado que está a caminho, por meio dos Conselhos Populares estabelecidos pela Presidente. Para tanto sugiro ver isso: http://www.youtube.com/watch?v=1tD3Y_TfjLw

Omitirei ainda a ligação do PT com os terroristas da FARC, por meio do Foro de São Paulo. Não vou entrar aqui no mérito dos casos de roubalheira da Petrobrás e do Mensalão (neste último já ficou comprovada a participação da cúpula de integrantes do partido). Limito-me a lembrar de nossos valores cristãos: a vida e a família.

Por fim, é importante lembrar, o socialismo (sistema do PT[5]) é contrário à fé cristã. Isto foi reiteradamente confirmado por vários Papas como, por exemplo, o Papa Pio XI, que disse que “Socialismo religioso, socialismo católico são termos contraditórios: ninguém pode ser ao mesmo tempo bom católico e verdadeiro socialista”[6].

Alguns poderão dizer: “mas o PSDB e outros partidos não são 100% a favor da vida e da família e neles também há corrupção”. Sim, nos outros partidos há também alguns defensores do aborto, da liberação das drogas, etc. A diferença é que embora haja pessoas que pensem assim nos outros partidos elas não são maioria e o próprio partido não impõe certas agendas, como no caso do PT. Ficando, portanto, mais fácil para nós combatê-los.

Como padre, eu não tenho partido e não estou “santificando” a nenhum deles. Mas tenho a obrigação moral de denunciar o que sei e que vejo, ao longo dos últimos anos de estudo e acompanhamento.

Sei que há alguns católicos bem intencionados apoiando a candidatura da Dilma do PT, mas estas pessoas estão muito enganadas e não veem o plano ardiloso que move este partido socialista. Em consciência eu digo: o cristão que votar no PT está ajudando a fortalecer uma ideologia antivida e antifamília em nosso país; os frutos serão trágicos, principalmente para a nova geração.

Pe. Silvio R. Roberto



[1] Cf http://www.zenit.org/pt/articles/papa-ilustra-tres-principios-inegociaveis-para-igreja-e-cristaos-na-politica
[2] http://acordaterradesantacruz.com.br/wp-content/uploads/2013/03/Cronologia-da-Lei-12845-PLC-032013.pdf
[3] http://www.providaanapolis.org.br/index.php/todos-os-artigos/item/440-dilma-e-aecio-no-segundo-turno
[4] Agenda de Gênero: http://acordaterradesantacruz.com.br/wp-content/uploads/2013/03/Agenda-de-Genero-grp.pdf
[5] Estatuto do PT: https://www.pt.org.br/wp-content/uploads/2014/04/ESTATUTO_PT_2012_-_VERSAO_FINAL_registrada.pdf
[6] Quadragesimo Anno: http://www.vatican.va/holy_father/pius_xi/encyclicals/documents/hf_p-xi_enc_19310515_quadragesimo-anno_po.html

4 ideias sobre “Católicos e demais cristãos, por que não votar na Dilma, do PT

  1. stela luzia jacob pereira

    Obrigada Padre Silvio, por sua coragem em explicitar a nós Católicos, o porquê não votar no PT.Como seguidora dos ensinamentos de Jesus já´segui seu conselho , eu já votei contra, para não ser conivente com esses males do socialismo disfarçado de Democracia participativa ,que está a olhos vistos

    Responder
  2. Rose

    Inacreditável pessoas que se dizem Cristãos apoiarem o PT. Está tudo tão bem explicado nos textos publicados que a única explicação que eu encontro é que muitos não estão lendo e desconhecem a verdade…
    Que Jesus misericordioso proteja o nosso País.
    Rose

    Responder
  3. Nobi

    O Iluminismo deu luz aos olhos da Humanidade. Entre esses esclarecimentos, foi podssevel erxanger que, para haver conviveancia harmf4nica com povos de culturas diferentes num mesmo territf3rio, he1 a necessidade de se ter um Estado Laico, e com isso, deixar as regras religiosas para aqueles que seguem suas religif5es, todas elas respeitosamente submetidas e0 Lei do Estado, que e9 construedda coletiva e democraticamente, embora ainda de maneira muito insatisfatf3ria. Que o arcebispo encontre seu espae7o e fale de religie3o para quem lhe dea ouvidos. Se ela e outros ne3o querem falar disto, ele que sossegue, respeite e ne3o fique fazendo politicagem para com os fie9is.VA:F [1.9.4_1102]please wait…

    Responder
    1. Silvio Roberto Autor do post

      O seu comentário é típico de uma mentalidade iluminista/anticlerical. Ao dizer isso, você está confundindo Estado laico com Estado ateu. Ao afirmar que as pessoas que têm religião não podem se manifestar em público, devendo ficar em seu espaço reservado, você defende um Estado ateu, que proíbe o direito de expressão do cidadão religioso. Ora, o Estado laico verdadeiro não privilegia religiões, mas não proibe seus cidadãos de se manifestarem. Seria bom que você estudasse mais o que é um Estado laico e o que é democracia. Nós cristãos, a ampla maioria desta Nação, não aceitaremos ser cidadãos de terceira classe.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>